quinta-feira, 8 de março de 2012

Criança de óculos escuro?

Não sou de forma alguma daqueles que querem que as crianças fiquem parecendo adultos. Colocando acessórios de adultos etc


Nos preparando para passear. Já com o equipamento instalado!






Momento, Yves Saint Laurent...


Acho e sou árduo incentivador de que criança deve ser (e parecer) criança por toda sua infância e também na fase adulta. Pelo menos num tanto saudável e razoável.



Mas nesse caso, o objetivo primário foi a proteção mesmo. Como a Gabriela tem os olhos claros e aqui em Minas a insolação é de rachar taquara, a utilização de um óculos é muito bem vinda pra ela.



Mas o objetivo do post, é mostrar uma consequencia diferente da relacionada com a saúde. Ela ficou gatinha com eles. E a outra coisa é a disposição dela em usá-los.



Tudo bem que não é sempre que ela fica, mas quando saímos geralmente no meio do dia, e ela lá com os olhinhos fechados ou cobrindo o rosto e dizendo "o sol", sabemos que é o momento que ela quer e precisa usar.

O restante é só pra curtir.


Com um pouco de prática, aqui evitamos a "bibi" (chupeta) e soltamos um "sorriso" (já explicado num post anterior)


Fazendo bom uso do acessório...



Fazendo bom uso do charme...



Um comentário:

"Be cool" quando for escrever seu comentário. Seja construtivo!